Crise financeira

 

Crise financeira: monte um plano de ação e supere essa ameaça

 É inegável que a crise financeira no Brasil impacta todos os setores da economia. E o grande erro que várias empresas em crise cometeram, a ponto de perceberem tarde demais, é não dar a devida atenção ao plano de negócio nesses períodos.

O resultado é a queda na lucratividade, sem uma noção exata do porquê. Porém, apesar de difícil, é possível sair das dificuldades financeiras com um bom plano de ação e uma análise honesta do encaminhamento da empresa.

Portanto, para saber como sair da crise financeira, primeiro é preciso entender de fato o que é uma crise.

O que é uma Crise Financeira?

É importante deixar claro as diferenças entre a crise financeira de um país, e a que crise na qual a empresa passa. Entender esses contrapontos ajudam seus gestores a fazer as devidas adaptações, dependendo da situação.

A atual crise financeira do Brasil é reflexo de uma série de decisões equivocadas de seus governantes. Tal crise é sentida em todos os cidadãos diariamente, através do aumento nos preços de forma generalizada; no aumento do desemprego; na precariedade dos serviços públicos, entre outros pontos.

Por outro lado, as empresas em crise financeira estão nesse estado por diversos motivos. Falta de um direcionamento adequado, perda de mercado em relação aos concorrentes e a própria crise do país, são alguns dos motivos, o que dificulta investimentos mais seguros.

Para entender como sair da crise, é preciso visualizar esse cenário externo e interno, e saber como lidar com esse momento.

Como Montar um Plano de Ação para uma empresa em crise

A primeira atitude a se tomar para superar a crise financeira é reconhecer que sua empresa está de fato inserida nesse cenário. Sem uma análise fria dos dados, mesmo com os números da empresa em alta, essa crise pode afetar seus negócios de maneira aterradora.

Portanto, o primeiro ponto a se analisar são as causas da empresa estar em crise financeira, ou antecipar-se a ela, para que possa vencê-la. Algumas possíveis causas são:

Baixo faturamento;
Dificuldades na gestão de valores com fornecedores e outros serviços terceirizados;
Metas não atingidas.
Falta de recursos adequados para os processos internos.
O auxílio de um consultor econômico aqui é essencial.

Buscando Alternativas

Ao compreender a situação real da empresa, procure as alternativas cabíveis para o momento. Aqui, muitos empreendedores fazem o mais óbvio para vencer a crise financeira — o corte de gastos. Contudo, nem sempre essa é a alternativa válida.

Entre as alternativas, buscar novos ramos de negócio ou novos locais para aumentar as vendas; negociar novos valores com fornecedores e prestadores de serviço; ou mesmo apresentar novas propostas de produtos para os clientes são boas sugestões. O fechamento da empresa só deve ser considerado em último caso.

Com as possibilidades apresentadas, é o momento de traçar metas a curto e médio prazo, sempre com objetivos claros e de acordo com a realidade. Por se tratar de períodos mais curtos, suas ações precisam ser objetivas, e dentro do plano de ação.

Aqui, o Marketing ganha um papel essencial, para engajar ainda mais o público-alvo e aumentar as vendas. Mas não apenas isso: os processos internos também devem ser levados à risca tanto quanto o tratamento com o público.

Vença a Crise Financeira!

Com um plano de ação focado em atingir as metas a médio e curto prazo, além de foco total em sua reestruturação, é possível sair da crise financeira. Esses são os momentos ideais para descobrir em quais pontos o seu negócio pode melhorar.

Aqueles que se adaptam ao momento podem sair da crise financeira ainda mais fortes do que o momento anterior a ele. Então não deixe de acreditar no seu negócio.

fonte;(http://www.intelidata.inf.br/blog/crise-financeira-monte-um-plano-de-acao-e-supere-essa-ameaca/)

Última atualização (Qua, 09 de Agosto de 2017 09:14)

 
Alguma dúvida?

Facebook

Ads on: Special HTML
many fucking throat fucking a hitches